Pesquisar este blog

quarta-feira, 3 de novembro de 2010

Agir com o CORAÇÃO ou com a RAZÃO?

Muitas vezes, nos vemos num beco sem saída, onde essa perguntinha sempre aparece, e que nos faz ficar horas pensando: “Agir com o CORAÇÃO ou com a RAZÃO?” Geralmente ela surge quando o nosso coração está tristonho pedindo socorro.
A razão é o politicamente correto. A essência da inteligência. Sofre menos? Talvez. O coração, é a ação através dos princípios, é ser autêntico, é dizer o que sente e ponto.
Preste atenção. Se vc discutiu com seu namorado, e alguém te aconselhou dizendo: “não ligue”, “não corra atrás”; Xiiiii, qdo vc perceber... Já ligou, esperneou, correu atrás, gritou, desligou, fez manha, bicos e falou o que não devia. Por mais q seu conselheiro diga que vc estará cometendo um monstruoso erro, vc irá fazer o que o seu coração mandar. E, então, terá que agüentar as conseqüências, que não serão suas melhores amigas.
Aí vem o famoso arrependimento e promessas do tipo: “A próxima vez vou agir com a cabeça”, há-há, doce ilusão, pois no auge da adrenalina do momento fazemos tudo o que os nossos sentimentos mandam.
O que não pode acontecer é cometer o mesmo erro diversas vezes. Se vc agiu com o coração uma ou duas vezes e percebeu que se machucou. Pare. Respire. Levante a cabeça, e pense no que é melhor para si, sua saúde física e mental, no que irá te fazer feliz. Agora é hora de pensar com a cabeça. Dê-se alguns minutinhos em meio a situação para uma reflexão rápida, verificando se realmente sua atitude está correta, ou se é melhor esperar a poeira baixar e conversar em outro momento, ou pedir desculpas. Errar é humano, persistir no erro, bater na mesma tecla zilhões de vezes é burrice!
Em muitas situações agir por impulso, pode deixar marcas no adverso, estas que podem ser irremediáveis, sendo lembradas sempre com rancor, tristezas. Às vezes, certas palavras ditas em horas inapropriadas por causa do nervosismo, podem machucar muito mais do que um tiro na perna. Se você não quer se machucar e muito menos ao próximo, REFLITA o que pode acontecer depois, e oq vc não gostaria que fizessem com vc... Não custa nada.
O importante é conciliar a razão (inteligência), com a sua outra metade, o coração (emoção/ sentimento impulsivo), o que é difícil conseguir, mas não impossível. Devemos manter um equilíbrio entre os dois para agirmos da maneira correta e enfrentarmos os obstáculos da vida.
Pense muito bem nisso!

 Texto de: Créditos a Christianne Matsuno.

2 comentários:

  1. Oi amiguinha, vim te convidar p/comemorar meu aniversário comigo dia 07/novembro. Espero p/vc amanhã para cantarmos parabéns, tá! Bjslambiis!

    ResponderExcluir
  2. Oi, tudo bem? Meu blog Fofurinhas está comemorando a marca de 30 mil visitas, conquistadas por causa das visitas de pessoas tão lindas e especiais como você. O mimo está na salinha "Presentes para você". Espero por você lá. Desejo um lindo e abençoado fim de semana. Beijos.

    ResponderExcluir

Comente!!! s2